top of page

INFODEMIA





TEXTO I O excesso de informação é um fenômeno que nasceu nos anos 2000 e vem crescendo com a popularização do acesso à internet. Afinal, todos dias, nós recebemos uma enxurrada de informações em diversos meios de comunicação, principalmente nas mídias sociais. Em 2020, esse fenômeno ganhou uma maior clareza devido a pandemia da COVID-19, sendo definido como infodemia, ou seja, uma epidemia de informações. Isso porque a pandemia de coronavírus estimulou um comportamento na sociedade: as pessoas passaram a consumir e compartilhar diversas informações, pois estavam lidando com uma situação desconhecida, contudo, apesar da intenção de se informar, a prática acabou resultando em desinformação. Apesar de ter ganhado mais atenção na pandemia, a infodemia não é um fenômeno novo. O jornalista americano David J. Rothkopf é o criador do termo, mencionando-o pela primeira vez na sua coluna sobre a epidemia da SARS (Síndrome Respiratória Aguda Grave) no jornal Washington Post, em 2003. https://www.scielosp.org/article/ress/2020.v29n4/

TEXTO II

https://www.channel360.com.br/brasileiros-infodemia-trabalho/ TEXTO III O primeiroobstáculo criado pelo excesso de informações é a dificuldade na tomada de decisões. Quando somos bombardeados por centenas de mensagens, muitas vezes divergentes, nos vemos em apuros na hora de escolher qual rumo tomar, não é mesmo? Bom, é exatamente isso que milhõesde brasileiros estão enfrentando: são tantas notícias,falsas e verdadeiras, que fica difícilsaber como agir. E mais difícil ainda é não ceder ao pânico. Afinal, somos impactados tantas vezes e por tantoscanais diferentes (televisão, internet, rádio, jornal impresso, blogs, aplicativos de bate-papo etc.) que é impossível desviaro olhar e evitar uma sobrecarga. É neste ponto que a infodemiaataca, nos tornandoindivíduos angustiados, deprimidos, exauridos e até prostrados ou apáticos. A quantidade ilimitada de conteúdo,opiniões e estatísticas, eleva nosso nível de estresse e aciona mecanismos nocivos,como medo, ansiedadee pânico. Em outras palavras,adoecemos e nos tornamos mais propensos a agir de forma irracional, impulsiva e pouco empática. E a crescente busca por atualizações sobre a Covid-19 na internet não afeta apenas a saúde mental coletiva, mas também deteriora ações preventivas, dedicadas a combater a disseminação do vírus. Afinal,informações falsas estão circulando livremente. Quer um exemplodos males produzidos pelas fake news?No Reino Unido,teorias massivas e infundadas levarammilhares de pessoasa acreditar que a tecnologia 5G era responsável pela pandemia. Resultado? Quase 100 torres de telefoniamóvel foram incendiadas e funcionários de diversas operadorassofreram violência física. https://www.nossasaude.com.br/dicas-de-saude/infodemia - entenda-como-o-excesso-de-informacoes-pode-prejudicar-sua-saude-mental/



PROPOSTADE REDAÇÃO

A partir da leitura dos textos motivadores e com base nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija um texto dissertativo-argumentativo em modalidade escrita formal da língua portuguesa sobre o tema “Infodemia na sociedade contemporânea: riscos à saúde humana”, apresentando proposta de intervenção que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa,

argumentos e fatos para a defesa de seu ponto de vista.


8 views0 comments

Recent Posts

See All

Comments


bottom of page